7 coisas que nunca foram estilo!

 

Falamos há pouco sobre o que é estilo, um assunto que me faz ser prolixa e repetitiva de tanto que amo! Mas que tal olhar para estilo com um viés mais questionador? O que então não é e nunca foi estilo?

A moda muda mais rápido do que temos tempo de nos atualizar com ela. Nosso guarda-roupas é um acervo em constante mutação e que nunca chega à perfeição que gostaríamos.  E se olhássemos para nosso estilo de vestir e nosso gurda-roupas como uma dupla que precisa se ajudar? Algo como Batman e Robin. O Batman seria nossa personalidade, nosso estilo de vestir e o Robin as roupas que temos. Será que eles estão em harmonia? Estar em harmonia é refletir quem somos, nosso estilo.

O que definitivamente não é estilo? Justamente esta falta de hamonia. Porém, vamos deixar de bla-bla-bla e ir aos finalmentes!

O que nunca foi estilo!

 

capa2

 

1. Usar roupas que não são do seu tamanho

Roupa grande aumenta suas proporções e roupas muito apertadas também. Uma aumenta através das linhas externas criadas no seu corpo e a outra por parecer que você engordou e segue usando a mesma roupa.

2. Usar roupas datadas

Este é o risco que as pessoas tradicionais mais correm. Quem muito se apega a uma determinada peça pode transparecer falta de atualização na sua vida como um todo. Algo como, “se esta pessoa ainda não percebeu que não se usa mais uma determinada tendência há X anos, muito provavelmente ela não se atualiza em outros segmentos da sua vida também”.

3. Roupas amassadas

Vestir roupas que devem ser passadas sem que elas tenham “visto um ferro de passar” nunca foi estilo. Há tecidos que são amassados e têm essa característica naturalmente. Mas, se sua opção for por tecidos que devem estar lisinhos, você precisa ser amiga/o do ferro ou da passadeira! *risos*

4. Roupas Manchadas e/ou sujas

Roupas bem cuidadas são essenciais para uma imagem bem cuidada. Se a roupa sujou ou manchou, não deve estar em outro lugar que não seja lavanderia ou algum descarte. É comum guardarmos peças que estão sem condição de uso por razões afetivas ou “até acharmos uma substituta” e assim facilmente elas voltam a ser usadas. Roupa suja deve ser imediatamente lavada e a manchada, se não tiver como ser recuperada, vai ser guardada fora do seu guarda-roupas!

5. Microssaia

Nem mesmo bebê fica bem de microssaia pois a fralda aparece! Ou seja, é preciso sim cuidar do comprimento das saias e também dos shortinhos. É deselegante para quem usa e constrangedor para quem olha uma pessoa que deixa as pernas demasiadamente descobertas. Quando falamos de comprimento pense sempre que é importante que você possa se abaixar sem mostrar demais. As microssaias não permitem qualquer tipo de movimento e nunca foram estilo de vestir adequadamente.

6. Transparência na parte de baixo

Transparência é lindo, mas na parte de cima. Quando a transparência é usada na parte de baixo da vestimenta é importantíssimo um tipo de camada que proteja seu corpo de forma real. Uma saia muito longa com uma microssaia por baixo é praticamente o mesmo que nada. É claro que a transparência também depende da cor usada nas duas camadas. Portanto, fique atenta ao que vai mostrar demais. E lembre-se, quando se mostra a parte de cima, cobre-se bem a de baixo e vice-versa.

7. Salto alto na praia

Me perdoem as baixinhas, mas salto na areia nem pensar! Vamos crescer com nossa postura e atitude! rsrs Caminhar na areia ficando atolada a cada passo nunca foi estilo e nunca será. Para a areia o calçado deve ser mais larguinho e rasteirinho, assim você terá estilo até “embaixo d’água”!

Buenas, na verdade esta lista poderia crescer se eu tivesse mais tempo para escrever, mas sei que você também não tem para ler. Então, vamos concordar em parar por aqui? Se você tiver mais itens e comportamentos que nunca foram estilo, compartilhe comigo, vou adorar saber sua opinião também!

bjins